28.6.11

Sua respiração. Agora.

Você se dá conta que está respirando manualmente, expirando o ar aquecido que você sente atrás do céu da sua boca.

Você se dá conta que cada vez que você engole escuta um pequeno ruído em seus ouvidos. O ar entra mais frio agora e você respira um pouco mais profundamente.

Você percebe seu nariz constantemente nas bordas inferiores de sua visão periférica. Move a cabeça para confirmar.

Você se dá conta que sua língua é incapaz de encontrar um lugar confortável dentro de sua boca. Engole de novo. Escuta o ruído. Abre um vazio na boca e deita a língua na saliva do fundo.

Você se dá conta que vive o tempo todo no piloto automático e não nota quando reage ao invés de pensar. Pare e reflita antes de falar outra merda preconceituosa sobre qualquer coisa.

Sua respiração. Agora.

Um comentário:

Rodrigo disse...

Opa, e aí, só vi o comentário, agora. :p
Estou de boa, ainda academizando.
Quanto a reagir sem pensar, eu só sou humano, não dá pra me pedir essas coisas. :(