5.11.08

Barack Hussein Obama

Gosto muito desses video, mais uma vez contribuição do FBI para a divulgação da secularidade e do ceticismo, onde o novo presidente americano Barack Obama mostra que mesmo um cristão praticante pode sim ter um discurso secular e de bom-senso.


E ele nem citou minha parte favorita da Bíblia: Números 31...

É claro que ele como político tem sua dose de demagogia, aquela indispensável dentro desse âmbito. Todavia, sua lucidez no trato da religião foi uma das razões que me levou a adotá-lo como votável se eu fosse americano. Como o vídeo é um compilado de melhores momentos de um determinado discurso não é possível julgar todo o homem político por esses trechos, mas já é uma medida de que mudanças virão na maior economia do planeta.

Haja vista o contraste absurdo em relação ao seu antecessor, George W. Bush, que só não era mais anti-laicista pois teria que disputar espaço com sua anti-ética para ganhos financeiros em países médio orientais. Ou com o já mencionado aqui novo livro do Edir Macedo, onde conclama os evangélicos para formar um governo de coalizão sincrético conservador. O que me leva a questionar a balança sutil entre lucidez e moral de todos aqueles que seguem a doutrina protestante e, por inércia ou descaso, apoiam atos dilapidadores da ordem social e questionáveis em todas as esferas onde terá contato. Sad but true, como canta James Hetfield.

7 comentários:

Fatima disse...

Putzz...Metallica é uma das minhas preferidas!

Priscila Gomes disse...

Primeiro, vim agradecer seu comentário no meu blogger... Adorei e concordo com você.
jornalistas e publicitários, ou quem mais trabalhe com a escrita, precisam mesmo de um espaço para fugirem da rotina diária de escrever de uma forma quase mecânica (mesmo que não devessémos).
E acaba sendo interessante ver o estilo de cada profissional expresso em seus textos.

Bom, gostei muito deste blogger, do texto, do vídeo e assim como todos - ou quase - espero que Obama seja o início de tempos mais sensatos, de idéias mais racionais e atos menos típicos do "Tio Sam".

bjs

Rodrigo disse...

Engraçado, a Igreja Católica *vive* defendendo o secularismo e ainda assim ninguém elogia ela por isso.
Aliás, é até um lema dos católicos: "O estado deve ser laico, os cidadãos é que não precisam ser" e é verdade.
Que você vote a favor de sua religião, não está ferindo o estado laico. Só o está se o governante colocar motivos religiosos à frente da representação que faz da população.
Mas enfim.

HoneyBee disse...

Antes de mais nada, a viagem foi ótima porém curta. Os hermanos são realmente muito gentis e (pasme!) são duas vezes mais calorosos quando afirmamos ser brasileiros. Estranho, não é? E obrigada por perguntar!

Depois, sobre o vídeo e sobre o Obama, hoje escutei uma crítica excelente do Jabor. Segundo ele (com quem concordei integralmente), o verdadeiro responsável pela eleição do Obama foi o Bush. E que o segundo sequer imagina o benefício que causou ao curso da História. Pois, foram necessários oito anos de erros, injustiças, ignorância, intolerância e descaso, para os americanos perceberem o atraso da direita americana, disfarçado de "defesa dos valores fundamentais", da "religião", do "american way of life".

Mas depois de tudo isso, a América precisou se mover para algum lugar. E aí, oportunamente, surge Obama. Sinceramente e ironicamente, os mais ferrenhos defensores da religião cristã e dos chamados "valores cristãos", pelo menos na política, costumam ser os que menos os praticam. Ninguém avisou ao Bush para amar ao próximo, por exemplo.

Washington disse...

mandou bem no post...

Morango com leite condensado disse...

Olá!!! Tdo bem?
A forma como Obama realizou sua campanha eleitoral e expôs suas opiniões, ganhando a preferência americana e mundial é uma amostra de que , mesmo que seja a longos passos, o nosso planeta está mudando e um dia será um lugar mais justo.

Bjos

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Muito bom o vídeo. Muitas devemos agir de acordo com a razão e não com ensinamentos ditas por uma religião.